Total de visualizações de página

segunda-feira, 22 de fevereiro de 2010

A Palavra



Aquele que é a Palavra tornou-se carne é viveu entre nós. Vimos a sua glória, glória como do unigênito vindo do Pai, cheio de graça e de verdade. João 1.14


A Palavra de Deus já estava entre os homens antes de Jesus coabitar entre nós; a Palavra de Deus já existia antes do Senhor deixar a sua glória para assumir a condição humana.

 

A Palavra sempre foi bela, reveladora, transformadora... Mas os homens não tomavam posse de tamanha riqueza. Eles tiravam proveito de sua autoridade para validarem suas ações em causa própria. Tal atitude retirava a beleza da Palavra e ela se tornava letra fria, como um punhal, instrumento de morte.

Mas, não foi sempre assim, no começo de tudo a Palavra saída da boca do Senhor transformou o caos em harmonia e da esterilidade logo a vida surgiu. Nesse momento, o Senhor já nos ensinava o poder criador da Palavra viva.

Não imitamos o seu exemplo, por isso ao seu tempo Ele de novo interveio, surgindo entre nós como um rebento esplendoroso. Até então, a Palavra estava como semente sem chão à fecundar. As pessoas queriam enxergá-la, mas o grão de mostarda não tinha onde brotar. Vidas secas, sem graça tornavam o grão embotado.

Porém, antes da esperança ir embora, o Senhor deixou a sua glória e veio ser a Palavra em perfeita simbiose com a frágil figura humana. 

Olhamos para Ele e vimos algo diferente. Bem que tentamos nos deter à realidade aparente: - Vestes comuns, pés empoeirados como os da gente? Mas, a sua verdade se mostrou incomparável, seu amor e sua justiça inigualáveis, sua graça irresistível. Não vimos apenas fama, vimos a sua glória e reconhecemos nela, a glória do unigênito do Pai.

O que antes se escrevia em pedras foi inscrito em corações de carne, a fim de que a Palavra continue viva e reveladora da glória sem par.

 A Palavra nos nos trouxe vida. Que não sejamos hoje, reeditores da história que revela a letra fria; que não sejamos censurados por não mostrarmos a um mundo que sofre, a Palavra viva e eficaz, que habita na glória e, também, no coração daquele que nela se satisfaz.

Um comentário:

  1. Olá

    Uma postagem muito interessante, assim como o restante do blog. Parabéns pelo seu trabalho, já estou sendo seu seguidor.

    Se também desejar me visitar, conhecer minhas idéias, trocar links ou seguir meu blog, visite:

    Um pouco além do óbvio.

    Abraço.

    N'Ele, a autoridade máxima em matéria de salvação.

    ResponderExcluir

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails